Cepef oferece vagas em cursos profissionalizantes



O Centro de Educação Profissional Ezequiel Ferreira Lima (Cepef), oferece cursos profissionalizantes gratuitamente em diversas áreas do conhecimento, como Eletrotécnica, Hospedagem, Eventos, Eletrônica, Cozinha, Biblioteca, Comunicação Visual, entre outros. O Centro recebe recursos do MEC, com parcerias com o Pronatec, e do Governo do Estado do Mato Grosso do Sul.

O Cepef está com as inscrições para seu curso técnico em Recursos Humanos até o dia 31 de agosto de 2014. Estão sendo ofertadas 80 vagas para o período matutino. O curso em questão tem 800 horas de duração, o que resulta em aproximadamente 12 meses.



O curso técnico em Recursos Humanos habilitará o aluno a gerir pessoas dentro de uma empresa, além de outros procedimentos administrativos, bem como realizar as funções de contratação, manutenção e demissão de pessoal. Durante o curso os jovens serão estimulados a desenvolverem uma atitude observadora do comportamento das pessoas e de como elas trabalham. Depois de formados poderão atuar em empresas privadas, públicas e realizar consultorias de maneira autônoma.

Quem estiver interessado em se inscrever para uma das 80 vagas disponíveis para o curso deve comparecer até o dia 31 deste mês na Rua Antônio da Silva Vendas, 115, no Jardim Bela Vista, em Campo Grande (MS). O período de atendimento é das 7h30 às 20h.



O Centro de Educação Profissional Ezequiel Ferreira Lima oferecerá para os alunos lanche nos dias de aula, além disso, o material didático é totalmente gratuito. O aluno poderá requisitar junto à companhia de ônibus da cidade o passe escolar depois de confirmada a matrícula.

Não é necessário levar documentação para a inscrição. Somente após a convocação dos candidatos selecionados é que será necessário apresentar certidão (nascimento ou casamento), CPF, RG, histórico escolar ou declaração que está cursando o Ensino Médio, comprovante de residência e foto 3×4. Caso o aluno seja menor de idade é também necessário apresentar o RG e CPF do responsável.

Por Joana Junqueira borges

Deixe o seu comentário