Curso de Biotecnologia – O Que Faz e Mercado de Trabalho



Saiba aqui um pouco mais sobre a carreira na área de Biotecnologia.

A carreira da Biotecnologia tem um mercado bastante promissor apesar de ter ganho um curso de graduação apenas recentemente. O campo de atuação é bastante vasto tendo em vista o curso ser multidisciplinar.

Profissão

A Biotecnologia foi recentemente reconhecida como curso superior, mas já conta com graduação em no mínimo 12 universidades brasileiras.



A profissão pede conhecimentos em ciências biológicas, além de exatas.

O biotecnólogo ou engenheiro em biotecnologia e bioprocessos, tem a possibilidade de trabalhar em setores do segmento agrícola e industrial, bem como nas áreas de meio ambiente e também saúde. Confira:



  • No caso do segmento da saúde o profissional atua no desenvolvimento de variadas formas de diagnósticos, assim como na produção de remédios, vacinas, hormônios de crescimento e até na prevenção e tratamento de diversas doenças.

  • Já no setor agrícola o foco pode ser em desenvolvimento de plantas com sua genética modificada que resistam à intempéries variadas e à pragas. As técnicas que são desenvolvidas pelos biotecnólogos devem ser capazes de aumentar a produtividade no plantio e a qualidade do produto colhido.

  • Por utilizar-se de processos biológicos e não químicos, a biotecnologia é também empregada na forma ambiental para que possa trabalhar na recuperação de solos que possam ter sido contaminados ou desgastados, tratando resíduos industriais.

  • Para o profissional que optar por trabalhar na área industrial o viés é na criação de fontes alternativas, como biocombustíveis, por exemplo, o que é um mercado extremamente promissor, considerando-se o preço e os danos do petróleo e a exaustão de suas reservas. Produtos de limpeza e tecidos também são setores interessantes para o biotecnólogo.

Valorização profissional

O salário inicial de um biotecnólogo recém formado pode ficar na média de R$2.500,00 até R$4.000,00 para aqueles profissionais que trabalham na área de pesquisa das empresas, isto segundo a ABRABI (Associação Brasileira e Empresas de Biotecnologia). O valor certamente pode ser mais alto para aqueles profissionais que além de estudarem também desenvolvem produtos.

Por ser um curso de graduação relativamente recente, não vemos profissionais graduados trabalhando, mas sim oriundos de outras áreas, portanto, fica difícil traçar uma média salarial considerando o auge de uma carreira de biotecnólogo.

Por Silvano Andriotti

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *