Portal de Qualificação Profissional tem diversos cursos abertos



O portal tem o objetivo de capacitar trabalhadores e empreendedores, estimulando suas competências e habilidades.

Foi lançado no dia 21, pela Secretaria do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos do Distrito Federal, um portal chamado "Portal de Qualificação Profissional".

Esse portal tem como meta capacitar trabalhadores e também empreendedores, estimulando as competências e suas habilidades, deixando-os mais preparados para atender o que o mercado de trabalho pede, todas suas exigências. 



De acordo com o governo, o objetivo do Portal de Qualificação Profissional é capacitar 10 mil alunos até o final de 2016 e mais 15 mil em 2017 e o mesmo número em 2018. Todos os cursos disponibilizados pelo portal são gratuitos. 

Como se inscrever: 



Quem tiver interesse em ingressar em um dos cursos deve fazer sua pela internet, neste link: . Também podem se dirigir a uma das agências do trabalhador em sua cidade ou inscrever-se pelo telefone 156. Não há cobrança de taxa de inscrição. 

Sobre os cursos:

Os cursos iniciais são divididos em três eixos: Seja um Empreendedor; "Atualize seus Conhecimentos e Aprenda uma Profissão. Eles têm entre 40 e 160 horas e possuem diversas abordagens. Eles podem ser acessados e serem feitos por meio de qualquer computador fixo e mesmo por dispositivos móveis, como tablets e celulares, desde que estejam conectados à internet. Os alunos recebem todas as orientações necessárias sobre o ambiente virtual de ensino, assim como sobre o cronograma, a metodologia de ensino e também sobre certificação e matrícula em um novo curso.

Para quem ficou triste por ter vontade de fazer algum dos cursos do portal e não ter acesso à internet, há uma boa notícia: a Secretaria Adjunta do Trabalho disponibilizou laboratórios de informática para as aulas. Eles funcionam em horário comercial e as suas localizações podem ser consultadas pela internet (no mesmo endereço já citado acima).

Uma ótima oportunidade para quem quer se qualificar, considerando principalmente a instabilidade econômica e o alto grau de desemprego que afetam o nosso país. Obter novos conhecimentos e mesmo atualizar e aprimorar conhecimentos já adquiridos nunca é demais.

Por Lia Morales 

Deixe o seu comentário