Unibra – Curso de Graduação em Digital Influencer 2018

Categorias: Cursos - Informática - Unibra

Curso terá dois anos e duração e dará diploma de tecnólogo.

O futuro da educação também está presente no mundo virtual. Este se constitui em um dos meios mais eficientes de transmissão de conhecimentos e capacidades pelo mundo inteiro. Cursos com influência do universo digital estão ganhando cada dia mais espaço, beneficiando uma grande parcela da população. A recém-chegada Graduação Digital está com data marcada para iniciar novos cursos. O novo Centro Universitário Brasileiro – Unibra – anteriormente Faculdade IBGM, divulgou a menos de um mês que será inaugurada uma graduação em Digital Influencer, ou seja, curso digital que pode abrangem algumas matérias de faculdade. Esta nova modalidade de formação acadêmica iniciará a partir de janeiro de 2018, com turmas já programadas. Além desta divulgação, a faculdade também divulgou mais dois outros cursos, Design de Moda e Serviço Social.



O curso terá duração de no máximo dois anos e conferirá diploma de bacharel em Tecnólogo em Digital Influencer. O programa é novo e merece ser descrito de modo claro e sucinto. O curso se destina a proporcionar independência profissional a alunos e alunas, capacitando-os em pensamento estratégico, em competição de mercado, para que os mesmos sejam influenciadores digitais, donos de seus negócios, abrindo empresas ou lojas virtuais, além de desenvolver ferramentas intelectuais na área de Marketing e Comunicação Digital. As mídias alternativas se constituem, hoje, em grandes meios de rentabilidade, com audiências estourando em canais do Youtube.

Os alunos formados nessa graduação serão privilegiados com um programa que os capacitará para atuarem no mercado de trabalho nas áreas de Planejamento Estratégico de Marketing e Comunicação Digital, Técnico de Vídeo e Escrita ou Gestão de Mídias Sociais. Não é um curso destinado especificamente, para pessoas que atuam em frente as câmeras. É um curso que promove formação de profissionais em conhecimentos digitais.

Esta modalidade da faculdade já está reconhecida pelo Ministério da Educação e Cultura – MEC. Foi credenciada no mês de maio deste mesmo ano, conquistando autonomia por um prazo de cinco anos. Esse aval também permite a criação de mais cursos dentro dessa área, a qual já ofertava em torno de 24 graduações, sendo assim, ela pode crescer mais, atingindo, até o presente momento, com o aval citado, 35 graduações. É o futuro digital avançando positivamente para as universidades.



Em recente pesquisa estatística, realizada nos Estados Unidos, cujos resultados foram divulgados em dezembro passado, o que foi revelado é que mais de 80% dos profissionais na área de marketing intencionavam lançar ao público meios de ação marqueteiros para atingir determinados fins, utilizando nessas campanhas contas de grandes personalidades influentes em redes sociais. Ou seja, a procura pelo curso poderá ser imensa. Portanto, esse pode ser um investimento muito rentável, já que, por exemplo, celebridades como a cantora pop Selena Gomez, chegam a arrecadar mais ou menos US$ 550.000 por postagem paga na rede social, sendo ela a dona da conta mais cara do mundo no Instagram. Uma cantora que há não muito tempo atrás era apenas mais uma revelação mirim.

Esse programa certamente vai alavancar muitas possíveis carreiras no futuro. Existe uma gama de pessoas famosas nas redes sociais. Famosos cuja fama originou-se apenas por meios dessas das redes sociais, sem um passado artístico na TV ou nos palcos e hoje arrecadam quantias enormes. Alguns dos youtubers mais bem sucedidos e prestigiados chegam a lucrar US$ 18 mil por publicação em Instagram, como é o caso de Huda Kattan, que conta com parcerias em outras redes sociais, livrarias e diversos outros produtos. Tudo são resultados positivos de muitos Influencers. Agências de publicidade foram abertas para atender demandas nesses mercados alternativos e extremamente rentáveis, em todo o Brasil. A Acorn é uma delas e o número de agências de Mídias Sociais tem aumentado no país.

Entretanto, A graduação em Digital Influencer não é uma graduação que se possa considerar pioneira no ramo. Na China já existe os cursos de graduação da Yiwo Industrial and Commercial College – YWICC. Estes cursos estão em adiantado processo de formação de profissionais, com uma turma iniciam de mais ou menos 33 alunos, constituída inteiramente de mulheres. As grades desse curso incluem diversas disciplinas como Culto Estético; Maquiagem; Desfile de Passarela; Desempenho de Dança, entre outros. A Unibra possui um formato similar, porém, com cursos diferentes.

Aos interessados em maiores informações, é recomendado acessar o site da Unibra: http://www.grupoibgm.org/.

Paulo Henrique dos Santos



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *